Plano Decenal de Educação

Nosso PDME já foi encaminhado para ao Departamento Jurídico que encaminhará à Comissão de Educação da Câmara para ir a Plenário no dia 02/06/2015. Quaisquer propostas serão arquivadas para reavaliação futura.

PLENÁRIA PARA LEITURA E AVALIAÇÃO DO PME 2015

O documento Final do Plano Decenal de Educação de Capitólio, mantendo os princípios democráticos, nos ensinou o verdadeiro valor da democracia, o trabalho com pais, professores, diretores, alunos autoridades ligadas a Educação, bem como a comunidade civil nos proporcionou traçar caminhos amplos para a Educação de Capitólio. Encerrar este plano de educação no Município implica assumir compromissos com esforços contínuos da eliminação de desigualdades que são históricas. Portanto, é necessário que as metas expressas no plano se orientem na perspectiva de enfrentar barreiras para o acesso e a permanência, de enfrentar as desigualdades educacionais em Capitólio com o foco nas especialidades da população, de formar para o trabalho (identificando as potencialidades das dinâmicas locais) e para o exercício da cidadania. A elaboração deste plano de educação não pode prescindir de incorporar em nossas lutas os princípios aos Direitos Humanos, a valorização da diversidade e da inclusão, a valorização dos profissionais que atuam na educação de dezenas de pessoas todos os dias, bem como a sustentabilidade socioambiental. Neste Plano analisamos os nossos Indicadores Educacionais em Capitólio e quais serão as Metas estruturantes para a garantia do direito à educação básica com qualidade, isto é, que dizem respeito ao acesso, à universalização da alfabetização e à ampliação da escolaridade e das oportunidades educacionais, de forma articulada com o Plano Nacional de Educação (PNE) e o Plano Estadual de Educação (PEE) e em consonância com a Constituição Federal de 1988, com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional nº 9394/96.



























Reunião do Plano Decenal de Educação - Capitólio-MG

       Elaborar um plano de educação no Município, hoje, implica assumir compromissos com o esforço contínuo de eliminação de desigualdades que são históricas. Portanto, é necessário que as metas expressas no plano se orientem na perspectiva de enfrentar barreiras para o acesso e a permanência, de enfrentar as desigualdades educacionais em cada município com o foco nas especialidades da população, de formar para o trabalho (identificando as potencialidades das dinâmicas locais) e para o exercício da cidadania. A elaboração de um plano de educação não pode prescindir de incorporar os princípios aos Direitos Humanos, a valorização da diversidade e da inclusão, a valorização dos profissionais que atuam na educação de dezenas de pessoas todos os dias, bem como a sustentabilidade socioambiental. Nesta reunião de 19/11/2014 analisamos os nossos Indicadores Educacionais em Capitólio e quais serão as  Metas struturantes para a garantia do direito à educação básica com qualidade, isto é, que dizem respeito ao acesso, à universalização da alfabetização e à ampliação da escolaridade e das oportunidades educacionais. 

      Em dezembro a Equipe Técnica de Apoio deve apresentar todos dados e informações relevantes para diante do quadro atual da quantidade e qualidade da oferta educacional no Município, elaborarmos o texto base para as  Metas de 2016 a 2025. Analisaremos também o texto de Apresentação do Plano e o Histórico do Município.

  





PLANEJANDO A PRÓXIMA DÉCADA

            

O Departamento Municipal de Educação de Capitólio realizou a 2ª Conferência Municipal de Educação. O objetivo geral foi escolher a Comissão Municipal para escrever o Plano Decenal de Educação. Com parâmetros no Plano Nacional de Educação o PDE vai propor a Política Municipal de Educação, suas responsabilidades, suas corresponsabilidades, atribuições concorrentes, complementares e colaborativas, entre os entes federados e os sistemas de ensino para a próxima Década.

É Importante a participação de todos, principalmente dos atores principais do processo educacional. Planejar é uma tarefa complexa e desafiadora que implica assumir compromissos com o esforço contínuo de eliminação de desigualdades históricas no país e de nosso município. Desse modo será preciso adotar uma nova postura, construir formas de colaboração cada vez mais orgânicas entre os sistemas de ensino.




Capitólio-MG realiza Conferência Municipal de Educação

            Nesta segunda-feira, dia 17 de junho de 2013, a Secretaria de Educação do município de Capitólio-MG realizou a Conferência Municipal de Educação, na Escola Municipal Elias Teodoro. O evento faz parte da etapa preparatória para a Conferência Nacional de Educação (CONAE), que será realizada entre os dias 17 e 21 de fevereiro de 2014 em Brasília.



            O tema "Educação de qualidade: Responsabilidade de Todos Nós!" é um estímulo à participação da sociedade no processo de elaboração das políticas pública para a Educação. O caráter participativo garante que educadores, pais e sociedade civil organizada possam colaborar com o futuro da Educação, no município, estado e no país.
            O credenciamento dos participantes foi das 07h30min às 08h00. Em seguida junto com os jovens da Guarda Mirim todos cantaram o Hino Nacional.



Thiago nos brindou com sua linda voz e o solo de seu violão. Cantando a música Caderno/Toquinho e Para não dizer que não falei das flores, de Geraldo Vandré.




O Secretário Municipal de Educação João Antônio Alves fez a abertura, apresentando o Regimento Interno da Conferência e logo em seguida falou sobre “O Plano Nacional de Educação e o Sistema Nacional de Educação: Organização e Regulação.” e também sobre “Qualidade da Educação: Democratização do Acesso, Permanência, Avaliação, Condições de Participação e Aprendizagem.”




Passou-se a palavra para o Prefeito Municipal José Eduardo Terra Vallory, que falou sobre “Gestão Democrática, Participação Popular e Controle Social.”



Logo em seguida teve um intervalo para o café. Continuaram-se os trabalhos com os palestrantes: Deputado Federal Nilmário Miranda, que falou sobre “Educação e Diversidade: Justiça Social, Inclusão e Direitos Humanos.”



 Gleison de Oliveira que falou sobre “Educação, Trabalho, e Desenvolvimento Sustentável: Cultura, Ciência, Tecnologia, Saúde, Meio Ambiente.”



Marlene Aparecida Chaves Gonçalves que falou sobre “Valorização dos Profissionais da Educação: Formação, Remuneração, Carreira e Condições de Trabalho.”



Depois deste tema teve um intervalo para o almoço. Após o almoço deu-se continuidade aos trabalhos com Bertonlúcio Mendonça de Macedo, que falou sobre “Financiamento da Educação, Gestão, Transparência e Controle Social dos Recursos.”

Em seguida distribuíram-se os grupos para discussão de cada eixo. Voltando para a plenária cada grupo expôs suas ideias, formulando assim o documento final em anexo. Passou-se a votação dos Delegados que  representarão o município de Capitólio na Conferência Micro-regional em Passos no dia 19 de junho de 2013.
            Participaram do encontro, que ocorreu entre 07h30min e 17h30min, o Deputado Federal Nilmário Miranda, o vereador Renato Mecânico (PT), a vereadora Paula Enfermeira(PT) com grande  participação na Comissão, Messias Secretário de Esportes, Maria das Graças Melo secretária de Assistência Social, Vicente Paulo Leite secretário de Turismo, Bertonlúcio secretário de Controle Interno, Chico representando o Conselho Tutelar da Criança e Adolescente e Guarda Mirim, 80 educadores, pais, estudantes e outros profissionais do sistema municipal de ensino - da educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação de jovens e adultos, que estão instaladas no município.



            

Voltando para plenária cada grupo expôs suas ideias, formulando assim o documento final. Passou-se a votação que representaram o município na Conferência Micro-regional de Passos em 19/06/2013. Ficando assim o resultado: Alice Maria da Silva Lima representante de Pais, Celma Maria da Silva representante de estudantes, Rosângela Maria Oliveira Santos representante do Sindicato dos trabalhadores Municipais, Izabel Cristina de Carvalho Rodrigues representante dos trabalhadores em Educação.


Finalizamos agradecendo, a Comissão Organizadora do Evento, a equipe do Departamento de Educação coordenada pela Cristina, a Adeilda diretora do CRAS pela participação e empréstimo do som, os participantes pela colaboração nos debates e todos que com seus trabalhos foram responsáveis pelo êxito da conferência.



              A Conferência Intermunicipal aconteceu no Auditório do Instituto Federal Sul de Minas em Passos no dia 19/06/2013. Após formarmos grupos por Eixos Temáticos com representantes dos municípios da Micro-região, a partir dos relatórios de cada Conferência Municipal produzimos um relatório final com os pontos consensuais a serem apresentados na Macro-região.


Em seguida elegemos os delegados, sendo, Celma Maria da Silva representante de estudantes de Capitólio, Rosângela Maria Oliveira Santos representante do Sindicato dos trabalhadores Municipais de Capitólio como representantes dos gestores de Capitólio na Conferência Macro-regional que será realizada em Divinópolis-MG.






Capitólio, 21 de junho de 2013



João Antônio Alves – Secretário Municipal de Educação.




Deixe aqui suas propostas

Um comentário:

  1. “Não basta saber ler que Eva viu a uva. É preciso compreender qual a posição que Eva ocupa no seu contexto social, quem trabalha para produzir a uva e quem lucra com esse trabalho.” Conhecendo este contexto vamos dar o direito as primeiras palavras aos adultos que não as aprenderam.

    ResponderExcluir